Início » Indústria 4.0 » Gargalos na expedição são comuns, mas dá pra resolver

Gargalos na expedição são comuns, mas dá pra resolver

Quando a gente olha para uma garrafa fica bem evidente: quando chega no gargalo, passa menos líquido. O mesmo acontece nos gargalos logísticos, a expedição diminui quando esbarra em algum deles. Mas se dá gosto de ver aquela espuma da cerveja deslizando para o copo, na logística o que os gargalos causam é uma verdadeira indigestão. E a gente explica por quê.

Na expedição, os gargalos emperram a eficiência da empresa, limitam a receita, prejudicam a produtividade e ainda ameaçam a reputação da marca. Afinal, de nada adianta produzir  com maestria se não der conta de entregar bem. Produto bom é produto entregue, você já deve ter ouvido de algum cliente – ou, talvez, do seu gestor. Acertei?

Sei o que você deve estar pensando: que você não é o rei do orçamento, logo, precisa fazer ginástica com a verba disponível e acaba concentrando os investimentos para melhorar e ampliar a capacidade produtiva, ou seja, não sobra pra corrigir os gargalos da expedição. 

Então se anime: trago casos reais de empresas que resolveram seus gargalos logísticos, onde o mais determinante não foi o valor disponível, e sim a convicção sobre a importância da expedição para o negócio. Aí, foi só aplicar o combo melhoria de processos + tecnologia. 

“Só a tecnologia não resolve, assim como só ajustes de processo não dão conta. Na expedição, você não pode ficar refém exclusivamente da força humana, porque a equipe necessária será proporcional à demanda, ou seja, quanto mais caixas, mais carregadores, essa conta nunca vai fechar, então, a tecnologia é fundamental. Ao mesmo tempo, ter a tecnologia e não monitorar as informações geradas em tempo real não levará a respostas e a ágeis correções nos processos”.

Quem ensina é a engenheira de produção e especialista da I3C, Roseméri Rosa. 

5 Estratégias para resolver gargalos de expedição, na prática

Um dos clientes procurou a I3C Soluções para resolver um gargalo bastante incômodo: a expedição já trabalhava no limite e a demanda tinha aumentado, por isso precisava agilizar o processo de expedição. A I3C resolveu. 

E vamos usar o exemplo desse cliente, para listar 5 estratégias para resolver gargalos de expedição. Vale lembrar que desenhamos um projeto personalizado para a demanda desse cliente e que a sugestão dessas estratégias foi avaliando todo o cenário e processos dele, portanto os gargalos dele. Quer ver o que fizemos?

Monitoramento das docas em tempo real

Aplicamos Iot (Internet das Coisas) para monitoramento das docas em tempo real, assim, o cliente passou a saber quanto tempo as docas ficavam sem caminhões ao longo do dia, mensurando a perda de capacidade para, então, tomar decisões. 

Exemplo de Uso de Analítico de Doca para monitorar tempo e avaliar possível gargalo na expedição

Ajuste de Layout 

Ajustamos o layout com base na curva ABC, ao aproximar os itens de maior saída (A) das docas e criar um supermercado com os itens de frequência B e C, assim, o cliente passou a evitar desperdício de movimentação, gerar mais agilidade e economizar tempo. 

Área de Picking e Docas de Set-up

Implantamos os conceitos de picking e docas de set-up. Traduzindo: instalamos uma área onde os pedidos já ficam separados para serem carregados nos caminhões, e outra área, próxima, onde produtos são colocados para o mesmo processo assim que um novo caminhão estiver disponível.  

“Enquanto um caminhão está carregando com produtos do picking, outros carregadores já estão trazendo produtos para a doca ao lado, criando fluxo contínuo. Com atividades paralelas, o caminhão não fica parado esperando pelo carregamento”, explica Roseméri. 

Acompanhamento em tempo real

Criamos um dashboard, ou seja, um painel de controle para acompanhamento das docas e dos produtos expedidos em tempo real. 

Agilizamos o processo com RFID

Por fim, implantamos RFID, que são sistemas baseados em etiquetas inteligentes, o que garantiu agilidade: cada carrinho com produtos levava 21 segundos para passar pela expedição, esse tempo caiu para 6 segundos. Ou seja, reduziu em quase 70% o tempo.

Nós entendemos os gargalos e sabemos como resolver

A receita para eliminar os gargalos no processo de expedição é implementar modos de medir e acompanhar o seu processo de expedição em tempo real e promover melhorias a partir desses cenários.

“Os gestores precisam ter em mente que a meta do dia anterior que não foi batida ele já perdeu. Se deixar para avaliar e agir no dia seguinte, em meio à agenda sempre lotada, vai acumular prejuízos dia após dia”

– finaliza a especialista da I3C. 

———————————–

Glossário:

Curva ABC
A curva ABC classifica os produtos em A, B, C por ordem de relevância, usando os critérios de  representatividade no faturamento, margem de lucro e giro. 

Estratégia para eliminar gargalo na expedição
Curva ABC

Picking

Também conhecido como “preparação de pedidos”. É o processo de recolher e separar pedidos de diferentes categorias e quantidades em áreas específicas.

Pesquisar por...

Últimas publicações

Compartilhe

Somos uma agência de consultoria e serviços personalizados na área de tecnologia da informação. Nossa vocação é diminuir custos operacionais, perdas e danos, índices de acidentes, passivo ou, ainda, melhorar os processos internos dos nossos clientes.

Leia também

Menu
Fale conosco!
Oi, tá com alguma dúvida específica do seu negócio? Se quiser conversar com a gente estamos por aqui, sem compromisso :)
ComercialWhatsApp