Início » Segurança Eletronica » Tecnologia garante escolas seguras, com benefícios além de vigilância

Tecnologia garante escolas seguras, com benefícios além de vigilância

Segurança nas escolas com tecnologia

A insegurança nas escolas voltou à tona após o trágico episódio em Saudades. Motivo de imensa preocupação para as famílias, já para os gestores trata-se de uma responsabilidade. Maikon Ulrich, CTO da I3C Soluções Inteligentes, de Joinville, destaca o quanto o mercado da tecnologia oferece soluções eficazes para a garantia de controle de acesso nos ambientes escolares. 

“Ferramentas que permitem a identificação de estudantes, professores e funcionários por biometria ou proximidade de tags, com tecnologia RFID, deixaram de ser caras há tempo e oferecem uma relação custo-benefício imensurável”, enfatiza. 

Além disso, um sistema integrado amplia o rol de benefícios para além do controle de entrada e saída: os pais podem ser notificados em tempo real quando seus filhos deixam a escola e a equipe pedagógica passa a receber de forma automática os dados de frequência.

“É o fim da tradicional chamada, que toma boa parte do tempo de aula e sobrecarrega ainda mais os professores com tarefas secundárias”, destaca Ulrich.

Se a opção for por soluções mais completas, câmeras modernas de videomonitoramento fornecem imagens nítidas e sem interrupções, aliadas a alarmes de segurança com detecção de fumaça, invasão ou até tiros. De forma inteligente, essas ferramentas conseguem bloquear acessos e sinalizar rotas de evacuação, veja no vídeo abaixo. Essas informações podem, ainda, ser compartilhadas em tempo real com socorristas em caso de incidente, agilizando a tomada de decisões. 

A canadense Genetec, parceira da I3C, desponta na oferta dessas soluções em segurança para ambientes escolares. Ulrich aponta a tendência de adesão por gestores públicos ao modelo já consolidado na iniciativa privada.

“O investimento em ferramentas modernas de segurança reflete nas matrículas para escolas particulares. E os gestores públicos estão se convencendo de que é preciso optar por soluções perenes, empregar os recursos públicos em soluções realmente eficazes, entendendo que adotar exclusivamente a vigilância humana é uma estratégia ultrapassada e suscetível a muitas falhas”,  

conclui.

Mapas de fluxo

É importante implementar um rigoroso controle de visitantes, pais e fornecedores, destacando uma entrada específica para esse público e mapeando rotas restritas de acesso a ambientes internos. A secretaria, por exemplo, deve ter acesso delimitado e bloqueado por controle de acesso ou monitorado por câmeras, assim, haverá segurança de que um visitante não cruzará ambientes compartilhados por alunos e professores para chegar ao local designado. 

Portões duplos e interfones com áudio e vídeo

Outra solução que pode ser implementada em espaços que requerem vigilância ainda maior, como berçários, por exemplo, é o sistema de portões duplos. Nele, há uma ante-área entre um portão e outro, usada para segunda validação da identidade dos que acessam o ambiente.

Ainda como alternativas para controle de acesso, a opção de interfone com vídeo além de já usual é eficiente, pois o binômio áudio e vídeo contribui para fornecer informações mais completas e seguras sobre os visitantes. 

Botão do pânico

A ferramenta do botão de pânico é simples de ser implementada e fornece uma comunicação imediata e eficaz com as equipes de segurança, internas ou externas.

“Diante de qualquer ameaça, o professor pode disparar esse alerta com um toque ao alcance das mãos. Esse sinal pode ativar o comando de abertura de rotas de fuga e evacuação ou de bloqueio de acesso a áreas que requerem proteção”,

explica Ulrich. 

Protegidas, por mais amplas que sejam

Para unidades escolares mais amplas, a segurança perimetral com câmeras de videomonitoramento integradas a um sistema de alarmes tem se mostrado bastante eficaz. A delimitação de pontos únicos de entrada, muito bem monitorados, contribuem para evitar a entrada de pessoas indesejadas.

Nos ambientes internos, o uso de totens é uma tendência. Fixados em pontos estratégicos da escola ou universidade, esses totens possuem câmeras, telefones para ligações de emergência e botões do pânico. 

Solução passa por tripé

Mas o CTO da I3C pondera: a solução que vai garantir a segurança da sua escola integra: tecnologia, processos e pessoas. Uma equipe bem treinada é fundamental, sem alta rotatividade, e tem de haver profissionais destacados para a gestão da segurança, suas estratégias e operacionalização.

“Além disso, os processos precisam ser bem estudados e implementados, com definição precisa de rotas de entrada e saída e planos de ação em caso de riscos ou ameaças”, finaliza. 

Quer iniciar um projeto de segurança escolar?
Fale agora com a I3C!

Pesquisar por...

Últimas publicações

Compartilhe

Somos uma agência de consultoria e serviços personalizados na área de tecnologia da informação. Nossa vocação é diminuir custos operacionais, perdas e danos, índices de acidentes, passivo ou, ainda, melhorar os processos internos dos nossos clientes.

Leia também

Menu
Fale conosco!
Oi, tá com alguma dúvida específica do seu negócio? Se quiser conversar com a gente estamos por aqui, sem compromisso :)
ComercialWhatsApp